0

E aí Galo?

Todo ano a mesma história, nos animamos, fantasiamos e nos pegamos lutando contra o rebaixamento.
A pressão e cobrança exigida pela massa era obviamente para motivar os jogadores a trabalhar, alias, além da massa que costuma apoiar o galo e mostrar um amor sem igual, os jogadores contam com o bolso cheio, e ao inves de tomarem isso como impulso dentro de campo, a reação é bizarra, na realidade o time com o melhor CT, parece não treinar junto á séculos.
Estão dando continuidade ao trabalho do Luxemburgo, sem padrão, ninguem entrosa, não há ataque, o comprometimento passou longe.

Não sou um exemplo de torcedora, não acompanho os bastidores do time e administração, mas não precisa ser exemplo para notar coisas obvias, se o time está totalmente fora de foco, a culpa pode ser dividida entre jogadores e toda a administração do time. O torcedor que trate de torcer, o time que trate de jogar, a administração que cumpra o seu trabalho.

Quem não faz, leva e leva muito. Postura Galo, postura!

Talvez tenham se esquecido mas já dizia Vicente Motta; “vencer, vencer, vencer… esse é o nosso ideal”

Pode ter saudade do Tardelli?